17 de mai de 2015

Domingo...

Coisas previsíveis ao Domingo:
  • Camas virarem trampolins
  • Birras e teimosias
  • Gritos da mãe
  • Sala transformada em depósito de brinquedos
  • Gritos da mãe
  • Mãe e pai interditos de conversar porque o semáforo imaginário do Vasco está SEMPRE vermelho
  • Ninguém querer ir para a cama
  • Gritos da mãe :(
  • O Vasco querer ouvir 10 histórias antes de dormir
  • ...
Coisas pouco previsíveis mas que dinamizam qualquer Domingo:
  • Pedaços de cartolina e uma tesoura escondidos no micro-ondas
  • Vasco abrir a janela da sala... e lá vai xixi para o passeio
  • Mil pedacinhos de cartolina verde no tapete da sala e "Mãe...olha um relvado!" 
  • Vasco ligar o micro-ondas... com a dita tesoura lá dentro
  • Vasco adormecer com uma dúzia de carrinhos escondidos nas calças do pijama
  • ...

Mãe feliz?! Sempre! Mesmo ao Domingo!


3 de mai de 2015

Dia da Mãe



Impensável não mimar a minha...porque nestes dias sei que me espera. E eu...sei que corro! No entanto, tento fugir ao óbvio. Irrita-me! Não gosto de dias "marcados", dias de calendário, não gosto das prendinhas convencionais... Talvez um dia, na sua inevitável ausência eu derreta nesse sentido....

Eu, como mãe... Feliz, orgulhosa...  um q.b. de sentimentos! Todos e mais alguns! Uns bons e outros menos bons! Carrego na memória o sentimento de uma mãe que desistiu a instantes de conhecer tamanho amor e de um bebé que lutou sozinho para que eu o amasse, somente.

E passando pouco além dos 3 anos continuo assim, uma mãe apaixonada e maravilhada todos os dias! Mas às vezes demasiado exigente com ele e comigo principalmente.

Vivo de coração cheio! Sei que tenho imensa sorte. Às vezes chamo-me mãe desnaturada!!! Não me perguntem por marcas de antibióticos infantis, xaropes, vacinas, dosagens disto e daquilo! Conheço mães que são autênticas bulas medicamentosas! Medo! Não sei o que são corridas ao hospital (significantes leia-se!), noites em branco, fraldas teimosas, aquelas "birras de supermercado" blá blá blá!

Sim, o Vasco é teimoso, birrento, muiiito "mexido", às vezes conflituoso... mas é também muito doce, carinhoso, atento, extremamente expressivo e activo! Muito determinado! Nunca sei qual é o seu limite!

Resumindo, sou uma mãe muiiiiiito feliz e às vezes ainda duvido disso!

28 de abr de 2015

Pincelando


Mais pinceladas




:)


:)



Quando esta encomenda me chegou às mãos... Sorri! Coisa simples, nenhum pedido especial!
Adoro ir a lojas, mais retrosarias e similares, e me poupam de um saco! Acho giro os saquinhos personalizados, feitos ao pormenor e outros reaproveitados. Esta loja em particular tem por hábito aproveitar folhas grossas, bonitas ou diferentes...de catálogos. Bom, deu mote para umas risadas! Boa disposição! 

Continuo a preferir saquinhos com imagens campestres, anúncios de perfumes, carimbados... Lol

12 de abr de 2015

Da casca ao sumo






Não sei precisar bem o início e o fim da época mas sei que algumas já mal pintam as árvores nesta altura!
Este ano "choveram" laranjas, tangerinas, tângeras, marroquinas, ancores...  Pufff! É o mesmo todos os anos! O ano passado dei uma boa parte, comeram-se outras tantas e ainda inventei uma marmelade chique intragável que só eu provei! 

Este ano foi diferente. Apesar de eu gostar pouco de citrinos ao natural, não houve cá margem para desperdício.

As ditas frutas meteram-se em tudo!

-Salada de frutas

-Morangos marinados com laranja e hortelã

-Frango soculento com ervas e citrinos

-Sumo de tangerina com hortelã

-Bolo com laranja inteira ou 3\4 tângeras ou ancores. (Usa-se tudo! Incluindo as cascas! Nunca me lembro de repetir tanto a mesma receita! O bolo fica deliciosamente fofo e húmido!)

-Lombos de pescada com redução de citrinos e moscatel (Experiências do marido na cozinha! A repetir!!!)

...

O aproveitamento foi total e tantas foram as coisas boas que alegraram a nossa mesa!
Pode dizer-se que este ano passei a ver esta colecção frutosa de casca laranja com outros paladares! 

6 de abr de 2015

A nossa Páscoa em (algumas) fotos








A nossa Páscoa... 

Longe vai o tempo em que passava vésperas a pensar em prendas, saquinhos de amêndoas ou ovos para amigos e famíliares. Ou até mesmo a negociar saquinhos e mais saquinhos de deliciosas amêndoas para deliciar o coelhinho mealheiro! 

Foram 3 dias em que marcámos presença nas rotinas dos nossos pais e irmãos mas à parte disso foram essencialmente nossos!

Mudamos... Não que os valores se tenham alterado ou perdido o seu significado, mas porque as ambições são outras! Viver instantes tornou-se essencial.

Hoje, que escrevo sobre "ontens", ouvi e vinquei esta expressão: "...sem medo, sem culpa, sem deveres!" 


22 de mar de 2015

Esta manhã

Eu - Vasco! Vamos fazer panquecas?
Ele - Simmmm, mãe! Sim sim sim sim!
Vasco a gritar e a correr pela casa em modo foguete.
Ele - Pan-quecas! Pan-quecas! Pan-quecas!
Vizinhos todos ouviram falar de panquecas!
Ele - Mãe...? O que são panquecas?!!!

(Pois... já eu... saber sabia! Só nunca tinha feito! lol Em pé de igualdade com o Vasco, pois então! E não é que a coisa até correu bem! Manhã animada!)


20 de mar de 2015

Dias felizes!

Nos últimos tempos tenho trabalhado com a Aninhas um Mundo de Mimo! Uma marca deliciosa que nasce e renasce das mãos de fada da Aninhas! Ultimamente os maiores desafios dela têm sido vestes para Batismo. Tudo super personalizado, cheio de delicadeza e pormenor. Eu tenho contribuído com o meu trabalho em velas e conchas.