2 de ago de 2009

Arte do povo!

Na minha aldeia Julho despediu-se assim!
As festas de São Tiago são o ponto alto para quem nasceu nesta aldeia.
Esquecem-se as arguras e dissabores do dia a dia, da vida... e valores como a amizade, companheirismo, dedicação, tornam-se evidentes entre vizinhos e amigos. De rua em rua, de casa em casa é visivel o mais pequeno sinal de empenho, de alegria na terra!
O Coreto! Tem a sua pose! Este ano nem ele escapou à arte!
Sem dúvida que é uma arte! Duas!! A arte de decorar e de receber!

E a arte sorri de rua em rua!

De casa em casa!
À hora da Porcissão as janelas abrem-se e as mais bonitas colchas mantêm viva uma velha tradição.

Para bem receber os visitantes, uma passadeira original!

Até os mais pequeninos crescem nesta alegria!
De pequenino...


Mais um ano, mais uma passadeira... e o mesmo grupo de vizinhos e amigos empenhados na sua arte!
É só vê-los em plena organização de trabalho!


O resultado foi este.

E assim finda mais um ano de trabalho! De 5ª a 2ª feira vive-se a arte de enfeitar, de receber e estar em família, de pisar o feno e a murta, ir à porcissão, de comer filhoses e bolo do andor, de ouvir em altas a musica de bailarico", tirar rifas, beber umas caipirinhas, tanta coisa, tanta tradição....
E tudo finda a pedir muitos e muitos desejos com as "estrelas cadentes" do fogo de artificio!
Para o ano há mais!

Nenhum comentário: